Propostas para sessões itinerantes e para instituir semana da criança e do jovem são aprovadas

18 Setembro de 2019
Na tarde desta quarta-feira foi realizada a terceira sessão da Câmara Jovem 2019. As duas proposituras que estavam na pauta foram aprovadas, após bastante discussão entre os Jovens Vereadores.

Por 12 votos a três, foi aprovado o projeto de resolução 01/2019 de Eyxla Lorrane Oliveira da Silva, que institui as sessões legislativas itinerantes da Câmara Jovem de Caraguatatuba no município e dá outras providências.

O objetivo da proposta é aproximar as unidades escolares com a Câmara Jovem, obtendo subsídios junto à população estudantil de modo a fortalecer o protagonismo juvenil dos Jovens Parlamentares na intermediação dos seus anseios e dos estudantes perante o Poder Executivo Municipal ou a quem de direito.

Com a aprovação, os próximos encontros já poderão ser realizados em alguma escola do município, dando a oportunidade para alunos interessados em participar do programa e a comunidade próxima a unidade acompanhar as sessões.

Os Jovens Parlamentares também aprovaram o projeto de lei 02/2019, de Sophia Gonçalves Vecchio, que institui no calendário oficial do município de Caraguatatuba a Semana da Criança e do Jovem Consciente e dá outras providências.

De acordo com a propositura, durante a semana deverão ocorrer palestras e atividades lúdicas com profissionais de reconhecida experiência com a temática, palestras e atividades nas unidades escolares e nos pólos da Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba. A proposta tem como intuito a conscientização e a informação acerca dos números de casos de abuso sexual de vulneráveis, principalmente crianças e adolescentes.

Todas as proposituras que passam pelo plenário durante o programa são encaminhadas ao Prefeito Municipal como sugestão.

O programa tem como objetivo oferecer aos estudantes do município lições de cidadania e democracia, com atividades legislativas simuladas, com diplomação e exercício de mandato parlamentar. A Câmara Jovem é composta por 15 estudantes titulares e 15 suplentes matriculados do 5º ao 9º ano do ensino fundamental, com idade máxima de 15 anos.